21 de jul de 2013

Do you speak english?


Sim, o título do post é bem cliché, mas fazer o que? estava pensando aqui, motivada por um post no blog Plano Feminino falando sobre a importância de aprender inglês, resolvi comentar por aqui um pouco da minha jornada e do ponto onde me fez mudar tudo.

Eu sempre gostei muito de inglês e espanhol, mas nunca fui abastada ou ao menos tive uma família com renda disponível para me proporcionar um curso de inglês. Então, o jeito é correr atrás do prejuízo depois da "maioridade". Entre muitos percalços que não vou detalhar, estudei na Wizard, Cultura Inglesa, Cel Lep e Cultura Inglesa. Tudo isso num intervalo de 8 anos, entre idas e vindas.

Estudar picado não dá certo, você não pode parar! eu engravidei e toda uma vida tive que deixar rolar. Quando voltei, estudei no Cel Lep, de longe posso dizer que é a melhor escola que já estudei, também pudera, visto o preço alto da mensalidade.

Sempre tive uma ótima pronúncia e dificuldade com gramática (ainda tenho), mas após mudar de emprego, fui obrigada a usar todo santo dia meu inglês, inclusive no primeiro dia desse meu novo trabalho, recebi uma ligação internacional importante para discutir estratégias de marketing, imagina a minha cara?

Além desse dia, todos os outros foram de contatos diários, eu não estava preparada para isso, mas usei todas as opções que tinha. Minha primeira reunião em inglês então foi algo assim incrível, tentei entrar muda e sair calada. Risos.

Percebo que a melhor dica que posso lhe dar é: Se joga! sei que falo muito errado, mas sou compreendida, falo com alto escalão e o que importa é isso, ser compreendida e poder se comunicar.

Beijos

Nenhum comentário: